Lajeado

Vereadores criticam vetos do prefeito a projetos aprovados

Vereadores demonstraram insatisfação com vetos encaminhados pelo prefeito Marcelo Caumo a duas leis aprovadas recentemente na câmara. Entre elas, está a renovação do convênio do município com o Hospital Bruno Born (HBB), que foi debatida no último mês.

Por

Vereadores criticam vetos do prefeito a projetos aprovados

Vereadores demonstraram insatisfação com vetos encaminhados pelo prefeito Marcelo Caumo a duas leis aprovadas recentemente na câmara. Entre elas, está a renovação do convênio do município com o Hospital Bruno Born (HBB), que foi debatida no último mês.
O veto à lei é parcial e atinge o trecho que obriga o HBB a manter abertas as portas de acesso ao setor de emergência. Essa medida foi apresentada em emenda modificativa proposta pelo vereador Ildo Salvi (Rede) e acabou aprovada junto com o texto original.
A outra lei vetada é a que autoriza a concessão de incentivos às empresas da cidade, com serviços de terraplanagem de até 15 horas máquina e até cinco cargas de material, como brita, saibro e terra.
“É lamentável que o prefeito tenha vetado esse projeto. Conhecemos tantas empresas pequenas e sabemos que elas estão se arrastam há muito tempo”, comenta Eder Spohr (MDB). A matéria havia sido proposta por Waldir Blau (MDB) e Adi Cerutti (PSD).
Na sessão, o projeto que atualiza a lei do Centro de Controle de Zoonoses e Vetores e trata da criação de políticas de proteção populacional de animais teve sua votação adiada. Líder de governo, Mozart Lopes (PP) pediu vistas após Carlos Eduardo Ranzi (MDB) apresentar um projeto substitutivo referente ao mesmo assunto.

Trabalho reconhecido

Há cinco anos, Ana Rita da Silva Azambuja fundou a ONG Amando, Protegendo e Ajudando Muitos Animais (Apama), que atende atualmente cerca de 250 animais em um sítio no bairro Conventos.
O trabalho voluntário em defesa dos animais foi reconhecido pela câmara de vereadores, que concedeu à Ana Rita a Comenda Doutora Regina Aesse Nöthen. A honraria foi entregue em sessão solene na noite de ontem, após a reunião ordinária. A iniciativa foi dos vereadores Carlos Eduardo Ranzi (MDB) e Neca Dalmoro (PDT).
“Fico bem emocionada, pois são cinco anos de dedicação diária. Ter esse reconhecimento é bem importante, pois as vezes parece estarmos sozinhos na causa. A maior parte do nosso dia a dia é resolvendo problemas. Mas posso dizer que, nesse período, mais de 2 mil animais conseguiram um lar”, ressalta.

Palestra na Univates

A palestra de um jornalista do The Intercept Brasil prevista para acontecer na Univates, em setembro, rendeu discussões acaloradas na câmara. Mozart Lopes (PP), Éder Spohr e Adi Cerutti dispararam contra a vinda do profissional para Lajeado.
“Uma universidade com quase 20 mil alunos trazer esse tipo de palestra para Lajeado é debochar com a inteligência da população. Não é admissível”, criticou Cerutti. Sérgio Kniphoff (PT) defendeu a presença do jornalista e se disse envergonhado com a palavra dos colegas. “Tentar impedir palestras é algo inadmissível”.
 

MATEUS SOUZA – mateus@jornalahora.inf.br

bravo