Moinhos

Com música, Slan agradece o auxílio de voluntários

Pelo segundo ano consecutivo, coral e conjunto instrumental da Slan entoaram músicas natalinas em frente a um dos estabelecimentos parceiros da instituição

Por

Com música, Slan agradece o auxílio de voluntários

Pelo segundo ano consecutivo, o Conjunto Instrumental e Coral Cantando e Tocando Alegria de Viver, da Sociedade Lajeadense de Atendimento à Criança e ao Adolescente (Slan), realizou uma apresentação de músicas natalinas em frente ao Mercado e Açougue Vittorazzi, empresa parceira da entidade.
A ação, ocorrida na tarde da última segunda-feira, 16, no bairro Moinhos, chamou a atenção e encantou a vizinhança do estabelecimento. Pessoas se aglomeraram para prestigiar as canções de Natal entoadas pelo grupo. Após o show, crianças e adolescentes saborearam uma carne, assada pelo proprietário, Rogério Vittorazzi.
Também foram oferecidos picolés, balas e refrigerante para os integrantes do grupo. “É o segundo ano que ele (Rogério) nos procura para essa atividade, pois valoriza e reconhece o trabalho da Slan. E também proporciona um momento diferente para essas crianças”, destaca o presidente da entidade, Leodir De Gasperi.

Seis anos de atuação

O Conjunto Instrumental e Coral Cantando e Tocando Alegria de Viver existe há seis anos e surgiu através de uma iniciativa do Rotary Club Lajeado, em parceria com o Banco do Brasil. Atualmente, há 60 crianças participando do projeto, que conta com três oficineiros de música.
“Este tipo de ação é importante para elas, ajuda a formar melhores cidadãos. Hoje, há muitas crianças esperando, querendo entrar no conjunto”, comenta De Gasperi.
Ele ressalta o agradecimento ao Vittorazzi pela receptividade no evento e pela doação de carnes durante todo ano à entidade. Também destaca outros apoiadores: Docile, Irmãos TT, Doutor João Paulo Weiand, Sorvebom, Padaria e Confeitaria Ki Pão, Marcelo Schaeffer e Lira Freidag.

600 menores atendidos

A ação em frente ao Mercado Vittorazzi ocorreu exatamente no dia em que a Slan completou 61 anos de atividades. A entidade atende, atualmente, cerca de 600 crianças e adolescentes, dos 2 aos 15 anos, divididos em três unidades, localizadas no Centro e nos bairros Conservas e Santo Antônio.
 

bravo